Solidão é tema de exposição na Galeria Municipal de Arte

0
Prefeitura de Chapecó

 Chapecó – Como fotografar a solidão? O fotógrafo Marco Antonio Stello sabe e compartilha suas ideias, pensamentos e cliques de maneira poética, na Exposição ‘Solito: crônicas da solidão’, na Galeria Municipal de Arte Dalme Rauen, na Praça Coronel Bertaso. A abertura aconteceu na última segunda-feira (1), às 19h30, reuniu autoridades, amigos do artista, estudantes de artes visuais e apreciadores.

O trabalho é composto por nove fotografias cada uma pensada de forma diferente para expressar a mesma ideia. De acordo com Marco Antonio, as imagens foram projetadas no papel e fotografadas com luz natural, na cozinha de casa, uma por dia, durante nove dias. Mesmo cada um tendo sua ideia individual, todas fazem parte de uma ideia única.

Segundo o escritor André Timm,“Marco está um átimo a nossa frente. Sozinho, ele capta a solidão das coisas, a solidão de quem ousa, inventa, reiventa, subverte ou duvida. Vê sozinho, mas para nossa sorte, compartilha o que amou nesses breves lapsos de tempo onde a solidão se mostra para suas lentes”, escreveu.

As obras permanecem para apreciação até o dia 29 de setembro, sendo que os horários de visitação são de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h às 16h, aos sábados das 14h às 16h e aos domingos e feriados das 12h às 16h. Mais informações e agendamentos pelo telefone 3319-1010, ou pelo e-mail artesvisuais@chapeco.sc.gov.br

Compartilhar

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Sign up to our newsletter!